Prefeitura Barros Cassal

NOTÍCIAS

neizinho
18 de Janeiro
Neizinho faz primeira análise das ações a serem colocadas em prática
COMPARTILHAR:

Na tarde de segunda-feira, 8 de janeiro, o Jornal Serrano conversou com o prefeito Adão Reginei dos Santos Camargo, conhecido por Neizinho, que iniciou dizendo que é de conhecimento da comunidade sua vontade de ser prefeito, mas que não gostaria de ser prefeito desta forma, que nesta oportunidade queria ser vice. “Me preparei para ser vice e assim exercia minha função ao lado de Jovelino. E hoje, de repente, me vejo a frente de tudo. Desde a coligação, sempre trabalhamos juntos, ele sempre pediu minha opinião. Hoje me sinto abalado e não posso pedir a opinião dele, mas todos me conhecem e sabem que vou lutar muito para fazer o melhor. Se é para ser assim, assim será”, disse.

Neizinho disse que dará continuidade em tudo que planejaram juntos, inclusive que não haverá exonerações, sendo que no momento a equipe de governo se manterá. “Havia projeções de algumas exonerações, em setores que as coisas não estavam andando como planejamos, mas com esta perda dolorosa que foi o falecimento de Jovelino, preferi analisar melhor, pois pode acontecer da equipe se unificar novamente, podendo manter produtivamente cada um que foi colocado no governo. Acompanhei como vice, e o prefeito passou por muitas dificuldades, por ter várias pessoas disputando a mesma vaga, e ele teve que escolher. Por isso precisamos aproveitar  a oportunidade para fazer o nosso melhor à comunidade. Houve os que não trouxeram resultados, não atenderam bem a população. Houve também muitas intrigas  entre os que devem dar as mãos, visando o bem maior que é o município. Isto deverá mudar. Praticamente todas as vagas estão ocupadas e qualquer futura mudança será bem analisada, e no andar do governo se houver necessidade de outros perfis de colaboradores, para que possamos por em prática o que almejamos, será revisto, sim,  o quadro do funcionalismo. Não ficarei atrelado ao compromisso que não seja de interesse mútuo, mas naquele que crescem os colaboradores e o município”, explicou o prefeito, dizendo ainda que uma boa integração entre os funcionários é muito importante para que a população seja a principal beneficiada, sempre.

Neizinho informou que serão contratados alguns colaboradores para as pastas da Saúde e da Educação. “Na Educação será contratado um adjunto e mais colaboradores, pois no primeiro ano trabalharam com uma equipe muito reduzida”. Na Saúde também será contratado alguém para assessorar o secretário, além da contratação de outros profissionais que se fazem necessários para comportar a demanda, mas não falou em números e nomes dizendo que há muitas coisas para definir. “Para a próxima semana podemos fazer uma explanação para a comunidade barros-cassalense junto aos secretários de Educação e Saúde, informando com mais detalhes como procedem atendimentos no geral. A Saúde precisa pegar corpo, precisamos médicos para atender a demanda. Qualificar o atendimento ao público. Vamos trabalhar para que no mais breve possível possamos abrir o plantão – terceiro turno. A renovação da frota de veículos já está em andamento. E sempre falei que queria levar atendimento ao povo, e está sendo projetado para daqui a pouco para que os médicos possam ir de encontro à população, nas localidades”, disse referindo-se às pastas que necessitam de mais atenção no momento. “A Educação, para que iniciemos o ano letivo com tudo organizado, e a Saúde, que mesmo com dificuldades não deixa ninguém sem atendimento, sabemos que precisam uma mudança total, que foi feito economia para que este ano possamos por em prática”.

Neizinho falou de novas adaptações, geradas com diálogos com profissionais. “A nova médica atenderá por demanda e não por fichas, não será algo para sobrecarregar , mas o suficiente para dar conta da demanda que a ela será destinada. Os postos de atendimento serão conduzidos como uma engrenagem, um dando suporte pro outro, sem atritos desnecessários”, destacou.

Neizinho pede paciência à população, “muitas ações estamos dando continuidade e muitas que estamos projetando serão colocadas em prática, mas preciso de um tempo para me organizar, e entender o processo de agilização de cada coisa. Mesmo que o Jovelino sempre pedia minha opinião, eu não me aprofundava na parte burocrática, ajudava mais na execução, agora preciso me aprofundar. Quero atender a população!”.

Neizinho fez uma breve avaliação sobre o início do governo. “Inicialmente ficamos aproximadamente quatro meses no cadin, o que limitou muitas ações. Tivemos que ter a coragem de criar um caixa para executarmos o que tínhamos prometido à população, assim como nossa gente faz lá em casa, a coisa aperta, cortam gastos, todos sofrem um pouco por um período, mas é a única forma de reestruturar, de juntar a verba necessária para realizar os projetos”, disse.

Ao finalizar, Neizinho disse que atenderá a população nas terças, quartas e quintas-feiras, já nas segundas-feiras irá acompanhar as projeções da semana com as secretarias, e nas sextas-feiras também estará junto às secretarias, “fazendo um balanço do resultado da semana nas pastas. Na segunda fazemos um planejamento e na sexta uma avaliação, levantando o que foi positivo e o que deve ser conduzido de outra forma”.

Reportagem e foto: Dane Reis/Jornal Serrano.

 

Horário de Atendimento da Prefeitura Municipal: Turno único das 8h às 15h
icone_localizacao Av. Maurício Cardoso, 1177
Bairro Centro
CEP: 99360-000
Barros Cassal / RS
linha
(54)   3384 1200
gabinete@barroscassal.rs.gov.br
Prefeitura Municipal de Barros Cassal - Todos os direitos reservados Webde Tecnologia